O pior sermão de Jesus

Aprenda a ser u pregador de excelencia hoje mesmo

Jesus sem dúvida nenhuma é o melhor exemplo de pregador do evangelho.
As multidões sempre o seguiam, ficando boquiabertas com seus ensinos.
O que realmente maravilhava as pessoas era a simplicidade de sua
mensagem, pois falava de coisas profundas utilizando a linguagem comum
do povo.
Ao ser simples porém bastante objetivo, Cristo deu um solene exemplo
ao determinar que Pedro apascentasse as ovelhas. Se algum dos
pregadores dos nossos dias fosse passar esta determinação a Pedro
diriam o seguinte: "Tu me amas?? Apascenta as minhas girafas", tal tem
sido o alto nível das mensagens. Todos os dias ouço pelo menos duas
pregações, e muitas vezes tenho que ter um dicionário ao lado para
descobrir o que significam determinadas expressões.
Muitos de nós pregadores temos estados a utilizar um processo
revelatório chamado "clonagem espiritual", consiste em copiar na maior
"cara de pau" o esboço de um outro que orou, jejuou, chorou só para
que nossos ouvintes sejam impressionados pela profundidade de nossas
mensagens. Haja óleo de peroba…
O que dizer dos enlatados homiléticos???Muitos pregam tão
mecanicamente que se um ator de telenovela pregasse a mesma mensagem
possivelmente teria mais efeito, porque haveria mais ardor, arrancando
inclusive muitas lagrimas da platéia..
O que dizer dos clones??? Uma vez o saudoso Pastor Luiz Antonio
Rodrigues da Luz em uma aula de homilética disse-nos que "DEUS não
precisa de cópias de grandes pregadores, ele precisa que sejamos nós
mesmos em suas mãos". Seria muito interessante lembrar um fato que
ocorreu com a famosa mensagem "Pecadores nas mãos de um DEUS irado" Um
jovem pregador maravilhado com os resultados que Jonathan Edwards
havia conseguido quando pregara esta poderosa mensagem resolveu
decorar a famosa pregação, o resultado no culto foi que muitos pegaram
no sono. Da mesma forma a célebre frase ouvida por D.L. Moody
continua sendo verdade " o mundo ainda não viu o que DEUS pode fazer
através da vida de alguém entregue totalmente em suas mãos", muitos de
nós queremos impactar o mundo ( eu por exemplo, cada mensagem que
prego vai imediatamente para a internet, o maior púlpito do mundo) mas
nem todos estamos dispostos a nos colocar nas mãos do Todo poderoso".
Tive a oportunidade de cursar seminário bíblico. Isto algumas vezes
nos torna um pouco presunçosos, pois achamos mil defeitos na pregação
dos outros. Em compensação consideramos nossas pregações uma obra
prima, sendo que (muitas vezes) as nossas pregações não passam de um
engorobado de frases sem sentido ou direção
Meu querido professor que já descansa na glória, o Pastor Luiz Antonio
Rodrigues da Luz nos ensinou que todas as vezes que formos a igreja
devemos sondar o Espírito Santo com a seguinte pergunta" Se eu tivesse
que pregar hoje aqui qual seria a mensagem???" este principio muito
simples já me salvou a pele uma porção de vezes. Já vi também
pregadores de renome (claro que não vou dizer quem foi, por ética)
embromarem no púlpito porque o pregador escalado não apareceu, eles
receberam a oportunidade mas não tinham nada para entregar ao povo.
O que dizer dos reis da homilética, que pensam que somente eles
pregam, somente eles tem revelação???
Jesus não ficava viajando na maionese em nome da hermenêutica. Já ouvi
muitos pregadores dizerem "a hermeneutica nos permite conjecturar"…
"A exegese me dá uma certa margem para interpretar"… Se a Bíblia
permite isso então as heresias estão todas elas corretas, pois elas
surgem de uma certa conjectura, uma pequena distorção na exegética,
uma pequena margem na interpretação…
E as mensagens tiradas de livros com princípios no mínimo duvidosos???
Seguidamente aparece algum pregador abençoado com um esboço arrancado
de algum capitulo de livro, ocorre porém que muitas vezes o danado do
esboço ensina heresias, contraria a sagrada lógica bíblica e o que é
mais grave fica lá no alto tipo "Nuvens esparsas", fazendo com que os
ouvintes ao invés de se maravilharem com Cristo no sermão, acabam
impressionadas apenas com o sermão. Não podemos permitir que as
pessoas venham a igreja e saiam da mesma maneira.
O que dizer dos que se preparam apenas quando estão escalados??
Não sou o melhor pregador da paróquia, minhas pregações estão na
internet para quem quiser ver, ouvir ou criticar, basta uma busca no
google que aparecerá diversas delas, acontece porém que estou me
esforçando para dar meu melhor e sei que, apesar das centenas de
downloads das minhas pregações ainda tenho muito a aprender. Reconheço
também que muitos prezados pregadores tem dificuldade em elaborar um
sermão, organizar um esboço…Para esses estamos preparando uma super
coleção de esboços abençoados, que deverão ser utilizados com critério
e acima de tudo responsabilidade. Porem que ninguém se esqueça que
nunca é tarde para aprender. Sobre a importância de usar esboço na
pregação escreveremos futuramente
Finalmente temos que admitir que muitos dos homens que evangelizaram
nossa nação não sabiam nem escrever direito, mas agora os tempos são
outros, estamos no século do conhecimento e não podemos ficar devendo
nada para os filósofos deste mundo, o próprio Cristo deixou-nos o
solene exemplo pois "crescia na graça e no conhecimento". Além de
conhecimento e habilidade, que muitos que bnos lêem agora notadamente
possuem de sobra, faria uma diferença tremenda a graça, afinal de
contas " todo ser humano com inteligência normal tem capacidade para
pregar o evangelho, entretanto nem todos tem a graça suficiente". Como
ministros do evangelho que pretendemos ser, devemos atentar para o
fato de que jamais poderemos ser o pior sermão de Jesus, pois como o
apostolo Paulo disse "somos carta de Cristo escrita e lida por todos
os homens".
Que DEUS em Cristo vos abençoe
encontre mais artigos no www.pregar.com.br