– Que fazemos após um dia agitado? Ouvimos música? Vemos televisão? Tomamos um comprimido para relaxar? 
– Jesus teve um dia cheio de atividades, que entraram pela noite (Mc 1.32-33). Ao invés de dormir até tarde, acordou muito cedo e foi orar (Mc 1.35). 
– Ele tinha uma incrível capacidade de trabalho (Mt 9.35). Além da saúde física do único homem sem pecado, era uma capacitação espiritual. 
– Vamos aprender de Jesus, o melhor modelo. 

1. A ORAÇÃO SERVE PARA RELAXAR 
– Não que seja uma técnica de “ioga cristã”. É que ela nos faz descansar em Deus. 
– Vemos isto no Salmo 91.1. O crente em Jesus encontra descanso nele: Mateus 11.28. 
– O cansaço físico pode ser eliminado por uma boa noite, mas o cansaço emocional e o espiritual só podem ser eliminados no repouso em Cristo. 
– O Salmo 131 mostra como a fé ajuda a descansar. Orar é manifestar nossa fé, entregando tudo nas mãos de Deus. Quem entrega a Deus pode descansar. 
2. A ORAÇÃO SERVE PARA DAR FORÇAS 
– Trabalhou noite a dentro, acordou cedo, e foi trabalhar: Marcos 1.38-39. 
– Não é vitamina ou energético, mas capacita. Porque dá uma confiança inabalável e segurança: Isaías 40.28-31. 
– O Deus que nunca se cansa faz com seu povo nunca se canse. Uma coisa que cansa é fazer o que não se gosta. Outra é viver sem rumo e sem esperança. 
– O crente encontra prazer na vida, vive para ele e tudo que faz o faz para ele: Romanos 14.7. Uma vida centrada em Deus é fortalecida. 
3. A ORAÇÃO SERVE PARA CAPACITAR PARA UM NOVO DIA 
– Marcos 1.38: “pois foi para isso que eu vim”. Tinha senso de missão.
– Muita gente ignora porque está aqui. Sequer justifica sua vida. 
– Após uma noite de oração, Jesus escolheu os 12 (Lc 6.12-13). Antes de ir para a cruz, orou noite a dentro (Jo 18.1). 
– Qual sua missão neste mundo, como pessoa? E como crente? Já achou seu lugar na vida, na igreja, no mundo? Ore para ter uma vida capaz, no meio da agitação de hoje. 
CONCLUSÃO 
– Oração não é, necessariamente, petição. Também é autoconhecimento. 
– Quando nos abrimos com Deus, descobrimos coisas sobre nós que nem sabíamos. Conhecemo-nos mais. 
– Oração não é um ato para manipular Deus e levá-lo a fazer o que queremos. É para nos encontrarmos com ele e conosco. 
– A oração ajuda muito a nos situarmos. Quando o dia estiver agitado, pare e ore. Se a vida estiver agitada, pare e ore. Jesus ensina isto: orar antes de grandes decisões e orar quando a vida estiver muito cheia. É o melhor que podemos fazer.