Vencendo o complexo de inferioridade
“Forjai espadas das vossas enxadas, e lanças das vossas foices; diga o fraco: Eu sou forte.”. (Joel 3:10) Por que pessoas inteligentes, bonitas, criativas, bem articuladas fracassam? Uma das causas é o complexo de inferioridade que elas nutrem dentro de si. Segundo o calculo do escritor Maxwell Maltz, 95% de todas as pessoas  em nossa sociedade sentem-se inferiores.
1)          Dicas para vencer o complexo de inferioridade:
1.    Viva consciente da sua identidade como filho de Deus. Você é príncipe porque o seu pai é o Rei da Glória (Rm 8:14;. Mt 6:9).
2.     Não confunda amor próprio com atitude de superioridade, vontade própria obstinada ou orgulho (Mc 12:31).
3.    Maximize o seu potencial (Mt 25:15).
4.    Afirme para você mesmo eu fui criado à imagem e semelhança de Deus, tenho capacidade intelectual, liberdade para fazer escolhas, conhecimento do que é certo e errado. Eu tenho valor para Deus.
5.    Feche os ouvidos do teu coração para as palavras negativas que visam destruir sua auto-imagem e estima.
6.    Vença os pensamentos “de inferioridade” recitando textos das Escrituras (1Co 15:10; Fp 4:11-13; Sl 8:4,5;  91:11; Jr 29:11).
7.    Nunca diga “não valho nada, sou um fracasso” porque isso não é verdade. Você nasceu com potencial para ser um vencedor.
8.    Tenha alvos na vida e estabeleça metas para alcançá-los.
9.    Seja uma pessoa que aceita desafios, que não tem medo de assumir riscos com responsabilidade.
10.                      Supere suas limitações com dedicação, esforço e determinação. Pense como o apóstolo Paulo: “Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece”. (Fp 4:13)
11.                      Não meça o seu valor com base no que os outros pensam a seu respeito. “E uma voz dos céus disse: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”. (Mt 3:17) Jesus nunca mediu seu valor com base no que as pessoas pensavam e diziam a seu respeito. Se ele tivesse feito isso, com certeza ele seria um fracasso, um homem sem uma grande história. Se você quer medir o seu valor, faça uma auto avaliação usando como referência aquilo que diz as Escritura a seu respeito

 

Fonte: Ministerio Ricardo Santos